Ação

A Charmfre e a HatchTech assinaram um acordo para um novo incubatório de frangos de corte

08 de outubro de 2018

A HatchTech e a Charmfre assinaram um acordo para construir um novo e revolucionário incubatório de frangos de corte na Coreia do Sul. O incubatório será localizado na região de Gunsan e terá capacidade de 1,5 milhão de ovos por semana. A HatchTech entregará todo o pacote de soluções de incubação – desde as incubadoras até os nascedouros, incluindo os equipamentos de aquecimento, refrigeração e ventilação. 

A Charmfre é a segunda maior integradora na Coreia. A Ganong, uma de suas subsidiárias, será responsável pelo novo incubatório. O presidente Kim explica por que eles escolheram o conceito da HatchTech: “Observamos os resultados de outro incubatório da HatchTech aqui na Coreia, a Cherry Bro, e ficamos realmente impressionados. Ao longo de todo o processo de incubação, a temperatura era muito consistente, resultando em pintinhos de alta qualidade. Após conferir os resultados, tivemos a certeza de que queríamos implementar a tecnologia de incubação da HatchTech em nosso novo incubatório.”

O presidente Kim está se referindo ao conceito de fluxo de ar laminar da HatchTech na incubadora. Esse fluxo de ar é criado usando radiadores perfurados com design exclusivo. Esses radiadores criam diferenças de pressão na incubadora e dividem o ar em um fluxo de camadas de ar paralelas. Essa técnica garante que o fluxo de ar seja exatamente o mesmo em cada ponto da máquina e que a temperatura ótima seja fornecida a cada ovo, resultando em pintinhos de qualidade superior e alta uniformidade.

Marc de Visser, gerente de vendas internacionais da HatchTech, comentou: “A Charmfre e a HatchTech têm anos de experiência na produção de frangos de corte. É fantástico saber que as nossas soluções serão implementadas no incubatório da Ganong, subsidiária da Charmfre. Tenho a certeza de que o nosso conceito irá agregar valor ao mercado da avicultura coreana. Já estamos ansiosos pela eclosão da primeira batelada de pintinhos.”

O incubatório deverá estar em condições operacionais no final de 2019.

Read more

Todas as notícias